Quarta-feira, 30 de Janeiro de 2008

Urbanismo no Seixal (Parte1)

A Cidade do Seixal (referindo-me em particular neste texto à localidade em si) do ponto de vista urbanístico é uma cidade bastante heterogénea. Existe fronteiras bem “visíveis” que separam as diversas partes da localidade, tais como a zona histórica que se prolonga junto à margem da baía, a zona “pós 25 Abril” e por fim uma nova zona que brevemente irá ser urbanizada que se localiza mais a nordeste junto ao cais da Transtejo e do Centro de estágio do Benfica.

A Zona Histórica

 

A zona histórica da cidade, de traço pombalino, em tudo semelhante à baixa de Lisboa, ruas simétricas, casas construídas em série e de altura igual e, de ornamentação pública idêntica, como é o caso da iluminação e da calçada portuguesa, confere a esta zona uma certa nostalgia e simbolismo do Portugal histórico dos descobrimentos. Esta semelhança por demais evidente com a Baixa Lisboeta deve-se a um acontecimento comum a ambos os locais, o terramoto de 1755, que se sentiu sobretudo em toda a Lisboa e Vale do Tejo.

 

Curiosidades a salientar sobre esta zona da Cidade é o facto de as ruas “desaguarem” no Largo da Igreja, onde actualmente também se situa os Paços do Concelho. Outra curiosidade interessante desta zona é o facto da igreja estar “de costas voltadas” para a baía, e de certa forma as casas também, pois a entrada principal das casas que se localizam no seguimento do Largo da Igreja localizam-se no sentido oposto do rio.

Publicado por cidadecriativadoseixal às 11:08
link do post | Comentar | favorito
|
Visitantes

.Arquivos

. Janeiro 2008

. Novembro 2007

. Outubro 2007

.Links

.Mais sobre nós

.Janeiro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
31
Weather Forecast
badge
blogs SAPO

.subscrever feeds